top of page
  • Foto do escritorDra. Danielly Andrade

Complicações de um desvio de septo não tratado

Atualizado: 16 de mai.

Complicações de um desvio de septo não tratado


  1. Ronco e apneia do sono: A obstrução nasal crônica pode persistir, o que pode contribuir para o ronco e a apneia do sono.[1]

  2. Sinusite Crônica: Aumento da infiltração linfocítica e metaplasia escamosa na mucosa nasal oposta ao desvio, o que predispõe os pacientes à rinossinusite crônica.[2]

  3. Arritmias cardíacas: O desvio do septo nasal tem sido associado a um risco aumentado de arritmias cardíacas, conforme evidenciado pela maior dispersão da onda P pré-operatória e pela dispersão do QT corrigido, o que pode normalizar a pós-septoplastia.[3]

  4. Aumento de volume dos seios maxilares e frontais: O desvio do septo nasal pode afetar o volume dos seios maxilares e frontais, podendo levar à sinusite.[4,5]

  5. Disfunção ventricular direita: o desvio do septo nasal pode levar ao aumento da pressão arterial pulmonar e à disfunção ventricular direita, que pode melhorar após a septoplastia.[7]

  6. Dores de cabeça: desvios de septo não tratados podem levar a alterações estruturais compensatórias e sintomas como dores de cabeça e rinite alérgica, [8]

  7. Disfunção olfatória: é outra complicação potencial de um desvio de septo, que pode afetar a qualidade de vida e melhorar com o tratamento do desvio.[9]

Complicações de um desvio de septo não tratado
Complicações de um desvio de septo não tratado

 

Dra. Danielly Andrade

Otorrinolaringologista especialista em desvio de septo em Belo Horizonte - MG



Comments


Commenting has been turned off.
bottom of page