top of page

Sinusite Alérgica: Causas, Sintomas, diagnóstico e tratamento

Início > Blog > Sinusite Alérgica: Causas, Sintomas, diagnóstico e tratamento


sinusite alérgica

A sinusite alérgica é uma inflamação dos seios da face causada pela reação exagerada do sistema imunológico a alérgenos como pólen e ácaros. Os sintomas comuns incluem congestão nasal, dor de cabeça, dor de garganta e fadiga. O tratamento pode envolver o uso de medicamentos para aliviar os sintomas, tais como sprays nasais, anti-histamínicos, e imunoterapia com alérgenos. Em casos mais graves, quando nenhum desses tratamentos melhora os sintomas, a cirurgia pode ser necessária para melhorar a drenagem dos seios da face.

Como saber se minha sinusite é alérgica?


Diagnosticar a sinusite alérgica pode ser desafiador porque seus sintomas podem ser semelhantes aos de outras condições sinusais. No entanto, um histórico de alergias, sintomas persistentes ou sazonais e sintomas relacionados ao ambiente podem sugerir sinusite alérgica. Se você suspeitar que tem sinusite alérgica, é importante procurar um médico otorrinolaringologista para obter um diagnóstico preciso. O médico pode realizar testes de alergia, como testes cutâneos, para identificar os alérgenos responsáveis pelos sintomas. Com base no resultado dos testes e em uma avaliação médica completa, o médico pode recomendar um tratamento adequado para aliviar os sintomas da sinusite alérgica.


Sintomas de sinusite alérgica


Sintomas de sinusite alérgica incluem congestão nasal, dor de cabeça, pressão ou sensibilidade nos seios da face, tosse, dor de garganta, olhos lacrimejantes e coceira nos olhos, sensação de cansaço e mal-estar geral, dificuldade em dormir e redução do olfato e do paladar. É importante lembrar que a sinusite alérgica pode ser confundida com outras condições, por isso é recomendado buscar orientação médica para obter um diagnóstico preciso e tratamento adequado.


Causas da sinusite alérgica


A sinusite alérgica é causada por uma resposta imunológica exagerada do corpo a alérgenos presentes no ambiente. Quando o corpo entra em contato com uma substância alergênica, como poeira, pólen, ácaros, mofo ou pelos de animais, ele desencadeia uma reação imunológica para combatê-la. Essa reação faz com que as células do sistema imunológico liberem histamina e outras substâncias químicas, causando inflamação das vias aéreas superiores, incluindo os seios da face.


Diagnóstico da sinusite alérgica


Diagnóstico de sinusite alérgica:

  1. Histórico médico: O médico irá perguntar sobre os sintomas e o histórico médico, incluindo quaisquer alergias conhecidas.

  2. Exame físico: O médico irá examinar o nariz, as orelhas, a garganta e o rosto, procurando sinais de infecção ou inflamação.

  3. Testes de alergia: O médico pode recomendar testes de alergia para identificar qual substância está causando a sinusite alérgica.

  4. Testes de imagem: Se os sintomas persistirem após o tratamento, o médico pode recomendar testes de imagem, como ressonância magnética (RM) ou tomografia computadorizada(TC), para verificar se há danos na sinusite.

O diagnóstico preciso é importante para garantir o tratamento adequado da sinusite alérgica. Se os sintomas persistirem após o tratamento, é importante procurar atendimento médico para avaliar a necessidade de outros testes ou tratamentos adicionais.


O que é bom para sinusite alérgica?


Tratamento eficaz para sinusite alérgica inclui:

  1. Alívio dos sintomas: medicamentos como anti-histamínicos, descongestionantes e analgésicos podem ajudar a aliviar os sintomas da sinusite alérgica.

  2. Evite alérgenos: evite a exposição aos alérgenos que desencadeiam a sinusite alérgica, como poeira, pólen, pelo de animais, entre outros.

  3. Umidificação: manter a umidade do ar em casa pode ajudar a aliviar a congestão nasal e a dor de cabeça.

  4. Lave o nariz: lavar o nariz regularmente com solução salina ou soro fisiológico pode ajudar a remover os alérgenos e a aliviar a congestão nasal.

  5. Terapia imunológica: se a sinusite alérgica for causada por alergias aos alimentos ou a outras substâncias, a terapia imunológica pode ser uma opção de tratamento.

É importante procurar atendimento médico para um diagnóstico preciso e tratamento adequado. O médico pode recomendar a combinação certa de medidas para tratar a sinusite alérgica e aliviar os sintomas.


Quanto tempo dura uma sinusite alérgica?


A duração da sinusite alérgica pode variar, mas em geral, os sintomas costumam durar de alguns dias a uma ou duas semanas. No entanto, em casos mais graves ou crônicos, os sintomas podem persistir por vários meses ou até mesmo anos. O tratamento precoce e adequado é importante para ajudar a aliviar os sintomas e acelerar a recuperação. Além disso, medidas preventivas, como evitar a exposição aos alérgenos, também podem ajudar a prevenir recorrências.


Referencias:

 

Quem é a Dra. Danielly Andrade?

Sou médica otorrinolaringologista em Belo Horizonte e Nova Lima, formada pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) em 2008, título de Especialista em Otorrinolaringologia pela ABORL / AMB.

Sou especialista em rinologia (funcional e estética), área da otorrinolaringologia que estuda e trata os distúrbios do nariz e dos seios da face, como obstrução nasal, desvio de septo, rinite, alergias, sinusite, alterações do olfato e sangramentos nasais.

​Atuo como médica do corpo clínico-cirúrgico nos hospitais Mater Dei, Socor e Orizonti. Sou preceptora do serviço de especialização em otorrinolaringologia do Hospital Socor atuando na área de Rinologia.


"Meu foco é te ajudar a respirar bem pelo nariz e melhorar sua auto-estima, qualidade de vida e de sono."

Commentaires


Les commentaires ont été désactivés.
bottom of page