Cirurgia endoscópica para sinusite (sinusectomia)

Início > Blog > Cirurgia endoscópica para sinusite (sinusectomia)

cirurgia endoscopica nasal

A cirurgia dos seios da face ou seios paranasais é mais comumente usada para tratar a sinusite crônica (inflamação do nariz e seios da face), mas pode ser necessária para outros problemas dos seios da face. A cirurgia envolve aumentar as aberturas entre os seios da face e a parte interna do nariz para que o ar possa entrar e a drenagem possa sair.


O que é sinusite crônica?


A sinusite crônica é uma doença caracterizada por infecção prolongada e inflamação do revestimento do nariz e dos seios da face. Pacientes com sinusite crônica apresentam uma variedade de sintomas, incluindo pressão facial, congestão nasal, secreção nasal descolorida e “gotejamento pós-nasal”.


O diagnóstico de sinusite deve ser feito somente após avaliação cuidadosa do médico otorrinolaringologista. Para a maioria dos pacientes com sinusite, as infecções podem ser tratadas com sucesso apenas com medicamentos.


Um estudo da Universidade do Michigan mostra que 99% dos diagnósticos de sinusite crônica por não especialistas estão errados.

Para uma pequena porcentagem de pacientes, entretanto, as infecções reaparecem ou persistem mesmo após longos períodos de medicação. Esses pacientes geralmente se beneficiam da cirurgia endoscópica nasal para sinusite.


Após revisar seu histórico médico e estudos de raios-X e tomografia computadorizada, seu especialista em ouvido, nariz e garganta pode determinar se você é um candidato à cirurgia.

O que é cirurgia endoscópica para sinusite?



Cirurgia Endoscópica Nasossinusal
Cirurgia Endoscópica Nasossinusal

A cirurgia endoscópica dos seios da face é um procedimento desenvolvido para abrir as vias naturais de drenagem dos seios da face para restaurar sua função e saúde.


Na sinusite crônica, os seios da face não conseguem drenar adequadamente devido à inflamação das vias estreitas de drenagem. Como resultado, as secreções nasais podem ficar presas nos seios da face e infectar-se cronicamente. O objetivo da cirurgia é remover cuidadosamente o osso fino e delicado, e as membranas mucosas que bloqueiam as vias de drenagem dos seios da face.


O termo “endoscópico” refere-se ao uso de pequenos telescópios de fibra ótica que permitem que toda a cirurgia seja realizada pelas narinas, sem a necessidade de qualquer incisão na pele. O paciente retorna para casa no mesmo dia.





Quais são os tipos de cirurgia endoscópica nasal para sinusite?

  • Se a sinusite é causada pelos seios etmoidais, uma etmoidectomia intranasal pode ser a cirurgia adequada a seu caso.

  • Pressão e dor sob seus olhos e por trás de seus ossos da face pode significar que a sinusite está em seus seios maxilares. Uma antrostomia maxilar pode ser o tratamento para a doença.

  • Se sua sinusite é causada por obstrução de um desvio de septo e conchas nasais alargadas, então você poderá precisar uma septoplastia motorizada com turbinoplastia.

O que esperar antes da cirurgia endoscópica nasal?

A cirurgia para tratar sinusite é uma cirurgia ambulatorial, o que significa que você pode geralmente ir para casa no mesmo dia do seu procedimento. Não se esqueça de que você deverá ser acompanhado por um amigo ou familiar, que deverá levá-lo para casa após a cirurgia.

Você vai encontrar com sua equipe de cuidados com a saúde antes da operação, e eles responderão a quaisquer perguntas que você possa ter. A anestesista perguntará sobre seu histórico médico e desenvolverá um plano de anestesia. Ele ou ela discutirá o plano com você e responderá suas perguntas.

O que esperar durante a cirurgia endoscópica nasal?

Esse procedimento é feito sob anestesia geral. Normalmente dura de 1 a 3 horas, dependendo da sua condição. Durante a cirurgia, seu cirurgião passará um tubo estreito, chamado endoscópio, dentro do seu nariz. Esse tubo tem uma câmera e uma luz na extremidade, para que o cirurgião possa ver seu septo e conchas nasais.


Instrumentos cirúrgicos de pequeno porte são passados para o local afetado por meio de outro tubo fino.

Com estes instrumentos, seu cirurgião remove o bloqueio em seu nariz para ajudá-lo a respirar mais livremente e a melhorar a drenagem.


O que esperar depois da cirurgia endoscópica nasal?


Imediatamente após a cirurgia, você será levado a uma sala de recuperação, onde será monitorado por aproximadamente uma hora. Isso é para se ter certeza de que não há complicações. Em geral, se você estiver bem, poderá deixar o hospital no mesmo dia.

Antes de sair do hospital, você receberá instruções importantes sobre como cuidar de seu nariz durante a recuperação, e será informado da data em que deve retornar para uma consulta de acompanhamento. Seu médico pode também dar a você várias prescrições, incluindo uma medicação para a dor.

Se você tiver alguma dúvida ou preocupação, antes e depois da cirurgia, não deixe de discuti-las com seu médico.

Alguns pacientes apresentam um septo nasal torto (“septo desviado”) que precisa ser corrigido no momento da cirurgia através de um procedimento curto denominado septoplastia.


Restrições durante o período de recuperação pós-operatória da cirurgia endoscópica para sinusite


Na primeira semana após a cirurgia, você não deve assoar o nariz. Além disso, você não deve dobrar, esticar ou levantar peso durante a primeira semana. Caminhadas leves e atividades domésticas regulares são aceitáveis ​​a qualquer momento após a cirurgia. Você deve planejar tirar uma semana de folga do trabalho e, de preferência, ter meio dia planejado para o primeiro dia de volta.

Nós temos o compromisso de fornecer a você o mais alto nível de atendimento em um ambiente confortável e atencioso. Queremos que você tenha um entendimento o mais completo possível sobre sua condição sinusal e sobre nossas recomendações para o tratamento. Sinta-se à vontade para fazer perguntas sobre qualquer aspecto de seus cuidados e teremos o maior prazer em nos certificar de que todas as suas perguntas foram respondidas.

 

Quem é a Dra. Danielly Andrade?


Sou médica otorrinolaringologista em Belo Horizonte e Nova Lima, formada pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) em 2008, título de Especialista em Otorrinolaringologia pela ABORL / AMB.

Sou especialista em rinologia (funcional e estética), área da otorrinolaringologia que estuda e trata os distúrbios do nariz e dos seios da face, como obstrução nasal, desvio de septo, rinite, alergias, sinusite, alterações do olfato e sangramentos nasais.

Desde então me especializei nas cirurgias funcionais e estéticas do nariz.

​​

​Atuo como médica do corpo clínico-cirúrgico nos hospitais Mater Dei, Socor e Orizonti. Sou preceptora do serviço de especialização em otorrinolaringologia do Hospital Socor atuando na área de Rinologia.


"Meu foco é te ajudar a respirar bem pelo nariz e melhorar sua auto-estima, qualidade de vida e de sono."


Como a Dra. Danielly Andrade pode te ajudar?


Cada caso deve ser avaliado com cuidado antes de uma indicação cirúrgica e, nos consultórios da Dra. Danielly Solar Andrade, o paciente tem a comodidade de realizar exames auxiliadores no diagnóstico e na escolha do tratamento adequado.


Quando este tratamento é cirúrgico, todas as burocracias com planos de saúde, convênios e hospitais também são cuidadas pela equipe da Dra. Danielly Andrade.

 

Referências:

  1. Suh JD, Chiu AG (2012). Acute and chronic sinusitis. In AK Lalwani, ed., Current Diagnosis and Treatment Otolaryngology Head and Neck Surgery, 3rd ed., pp. 291–301. New York: McGraw-Hill.

  2. Joint Council of Allergy, Asthma, and Immunology (2005). The diagnosis and management of sinusitis: A practice parameter update. Journal of Allergy and Clinical Immunology, 116(6 Suppl): S13–S47.