top of page

Dor de cabeça de sinusite: Causas e Como Diferenciar de Enxaqueca

A dor de cabeça de sinusite é causada pela inflamação dos seios da face, cavidades ósseas preenchidas com ar. Isso resulta em uma dor característica de pressão ou pulsação na testa, rosto e ao redor dos olhos, que piora ao inclinar a cabeça. Se a dor de cabeça for severa, acompanhada de febre alta ou visão turva, procure ajuda médica imediata. Muitos pacientes com dor de cabeça severa acreditam ter sinusite, quando na verdade sofrem de enxaqueca.


Pontos Importantes sobre dor de cabeça de sinusite:


  • A dor de cabeça de sinusite é com frequência diagnosticada incorretamente.


  • Muitos pacientes que acreditam ter dores de cabeça de sinusite, na verdade tem enxaqueca.


  • Dor de cabeça associada à congestão nasal, corrimento nasal purulento, dor facial-dental, drenagem pós-nasal e tosse é indicativo de sinusite.


  • O tratamento da dor de cabeça de sinusite deve focar em aliviar a dor de cabeça e resolver a causa da sinusite.


  • Crises de sinusite várias vezes ao ano não é normal, é sinal indicativo de sinusite aguda recorrente ou sinusite crônica.


  • Consulte um médico otorrinolaringologista se a dor de cabeça persistir ou piorar, especialmente se houver outros sintomas graves, como febre ou visão turva.


Qual a característica de uma dor de cabeça de sinusite?


A dor de cabeça de sinusite é frequentemente descrita como uma dor persistente ou pulsante na testa, na face ou na parte superior do nariz e pode ser agravada ao inclinar a cabeça ou ao pressionar determinadas áreas, como a testa.


Por que a sinusite causa dor de cabeça?

seios da face e a dor de cabeça de sinusite

A dor de cabeça é um sintoma comum de sinusite, uma inflamação dos seios da face que pode ser causada por uma infecção, alergias ou outros fatores. A dor é geralmente sentida na testa, ao redor dos olhos ou nas maçãs do rosto, e pode ser acompanhada de outros sintomas, como congestão nasal e secreção nasal espessa.


A inflamação dos seios da face obstrui os canais que conectam os seios nasais ao nariz, impedindo a circulação normal do ar e do muco, causando pressão e dor na cabeça, especialmente nas áreas adjacentes aos seios inflamados.


A dor de cabeça é agravada ao inclinar a cabeça ou ao se inclinar para a frente, o que aumenta a pressão nos seios da face. Além da dor de cabeça, a sinusite também pode causar congestão nasal, coriza, dor no rosto e no dente, febre e dificuldade para respirar.


Quais são os locais da cabeça que doem devido a uma sinusite?

Locais das dores de cabeça de sinusite

O,local da dor está associado a localização da sinusite, dependendo do seio da face afetado.


Alguns dos locais comuns incluem:


  • Frontal: dor de cabeça na região da testa, acima dos olhos.

  • Etmoidal: dor de cabeça na região do meio do rosto, entre os olhos.

  • Maxilar: dor de cabeça na região da mandíbula e dentes da frente.

  • Esfenoidal: dor de cabeça na região da nuca ou parte superior da cabeça.


Qual é a diferença entre uma dor de cabeça de sinusite e enxaqueca?

dor de cabeça de sinusite

As duas condições apresentam mecanismos fisiopatológicos e abordagens de tratamento diferentes.


  • A enxaqueca é uma dor de cabeça primária com características como dor pulsátil, localização unilateral, náusea ou vômito e sensibilidade à luz e ao som.


  • A sinusite é uma condição inflamatória dos seios paranasais, geralmente apresentando congestão nasal, secreção nasal purulenta, dor ou pressão facial que piora com a inclinação para frente e possivelmente febre.


  • Sintomas nasais, como congestão e rinorréia com presença de secreção purulenta, febre e a resposta aos antibióticos é indicativo de sinusite.


  • A presença de características da enxaqueca, como qualidade pulsátil, duração de 4 a 72 horas e agravamento pela atividade física rotineira, deve levar à consideração da enxaqueca.


  • Nos casos em que a apresentação clínica é ambígua, exames diagnósticos adicionais com exames de imagem podem ser necessários para confirmar a sinusite, especialmente em casos crônicos ou complicados. Também é importante considerar que a enxaqueca pode coexistir com a sinusite e, nesses casos, ambas as condições devem ser tratadas simultaneamente.

Relação entre a dor de cabeça de sinusite com o desvio de septo, pólipos nasais e a hipertrofia dos cornetos


Como os pólipos nasais, desvio de septo e hipertrofia de cornetos podem contribuir para a dor de cabeça de sinusite


O septo nasal é uma parede fina de cartilagem e osso que divide as duas narinas. Quando o septo está desviado para um lado ou outro, ele pode bloquear a passagem do ar e dificultar a drenagem do muco das cavidades paranasais. Essa retenção de muco pode propiciar o crescimento bacteriano e desencadear episódios de sinusite.


Quando temos uma sinusite, os seios da face (cavidades no crânio preenchidas por ar) inflamam e enchem-se de muco. Se a drenagem do muco estiver obstruída devido ao desvio de septo, a pressão aumenta nesses seios, resultando em dor, que frequentemente é percebida como dor de cabeça.



Os pólipos são massas macias, indolores e não cancerígenas que crescem no revestimento do nariz ou dos seios da face. Eles resultam de processos inflamatórios crônicos. A presença de pólipos pode obstruir as passagens nasais, dificultando a respiração e a drenagem adequada do muco.


Semelhante ao desvio de septo, os pólipos podem bloquear a drenagem de muco dos seios da face. Isso pode resultar em acúmulo de muco, crescimento bacteriano e consequente inflamação, levando a episódios de sinusite. A pressão e a inflamação acumuladas nesses seios causam dor, percebida como dor de cabeça.



Os cornetos são estruturas no interior do nariz que ajudam a filtrar, umedecer e aquecer o ar inalado. Quando esses cornetos aumentam de tamanho (hipertrofia), eles podem bloquear a passagem do ar e a drenagem do muco.


A hipertrofia dos cornetos, assim como os problemas mencionados anteriormente, pode resultar em obstrução da drenagem de muco, levando a inflamação e infecção dos seios da face. A dor resultante dessa pressão e inflamação manifesta-se frequentemente como dor de cabeça.


Tratamento para as condições acima


Desvio de septo, pólipos nasais, hipertrofia de cornetos e bloqueio anatômico de drenagem dos seios da face têm caráter crônico e estrutural, causando obstrução na drenagem dos seios da face e consequentemente dor de cabeça.


Quando o tratamento sintomático com medicamentos não alivia os sintomas ou eles são recorrentes e afetam a qualidade de vida de forma significativa a solução passa a ser o tratamento cirúrgico.


A cirurgia endoscópica nasal é a abordagem para resolver esses problemas.


Você pode ter uma dor de cabeça de sinusite sem ficar congestionado?


Sim, é possível ter uma dor de cabeça de sinusite sem apresentar congestão nasal. Embora a congestão nasal seja um sintoma comum da sinusite, ele nem sempre está presente.


Como aliviar a dor de cabeça sinusite?


Para aliviar os sintomas:


  1. Uso de medicamentos para dor de cabeça, como analgésicos ou anti-inflamatórios;

  2. Aplicação de compressas quentes ou frias nas têmporas ou na testa;

  3. Uso de descongestionantes nasais para aliviar a congestão nasal;

  4. Evitar fatores desencadeastes, como exposição a antígenos, mudanças climáticas abruptas, exposição ao fumo ou a poluentes, e estresse;


O tratamento sintomático da dor de cabeça, vai apenas aliviar os sintomas em curtíssimo prazo, o diagnóstico e tratamento adequado da causa da sinusite é essencial

Quanto tempo duram as dores de cabeça da sinusite?


  • Durante o curso da doença: A dor de cabeça da sinusite pode durar enquanto a inflamação dos seios nasais persistir, o que pode variar de alguns dias a uma ou duas semanas.


  • Sem tratamento: Sem tratamento adequado, a dor de cabeça da sinusite pode persistir e piorar, tornando-se uma fonte crônica de desconforto, pois ela pode ser recorrente, o paciente melhora e logo depois volta a ter sintomas.


  • Com tratamento: Com o tratamento adequado, a dor de cabeça da sinusite geralmente melhora em alguns dias a uma semana.



Quando devo procurar ajuda médica para sinusite?


  • Se você tiver sintomas graves, como febre alta acima de 38°C, dor de cabeça/dor facial intensa, corrimento nasal contendo pus/sangue ou inchaço ao redor dos olhos - Estes podem ser sinais de uma complicação rara, mas grave, que requer atendimento médico imediato.


  • Se você tem crises recorrentes de sinusite aguda várias vezes por ano - Indicativo de sinusite aguda recorrente


  • Se os sintomas melhorarem inicialmente, mas depois piorarem novamente


  • Se os sintomas durarem mais de 10 dias sem melhora - Isso pode indicar uma infecção sinusal bacteriana aguda que requer tratamento antibiótico.

  • Se os sintomas persistirem por mais de 12 semanas - Isso atende à definição de sinusite crônica, que um otorrinolaringologista pode diagnosticar e tratar adequadamente.

  • Se você tem condições subjacentes, como pólipos nasais, desvio de septo ou alergias que podem estar contribuindo para os problemas de sinusite.


Referências

 

Dra. Danielly Andrade

Otorrinolaringologista Especialista em Sinusites | Belo Horizonte - MG

Dra. Danielly Andrade, otorrinolaringologista especialista em sinusites na cidade de Belo Horizonte - MG

Comments


Commenting has been turned off.
bottom of page