top of page

Nariz Escorrendo e Coriza: Causas e Tratamentos

nariz escorrendo e coriza

Principais Pontos:


  • Coriza ou nariz escorrendo é um sintoma comum de resfriados, alergias e sinusites.


  • É caracterizada por uma secreção nasal clara e excessiva que pode causar congestão nasal.


  • Tratamentos para coriza incluem medicamentos antialérgicos e descongestionantes nasais, além de autocuidados, como a ingestão de líquidos e a utilização de umidificadores.



O que significa água escorrendo do nariz?

Agua escorrendo do nariz, sintoma de nariz escorrendo e coriza

A água escorrendo do nariz e o nariz escorrendo líquido transparente podem indicar condições como resfriados, alergias e rinite.


Esses sintomas ocorrem quando o nariz produz excesso de muco para combater irritantes. Medicamentos como antialérgicos e descongestionantes nasais podem ajudar, mas é essencial consultar um médico antes.


O nariz escorrendo pode começar com um líquido claro e progredir para um muco mais espesso e colorido se houver uma infecção ou irritação presente.


No entanto, vale ressaltar que nem todo nariz escorrendo indica uma infecção ou irritação grave, e em muitos casos, o corpo está apenas se livrando de umidade excessiva no ar ou de um irritante.


Se os sintomas persistirem por mais de algumas semanas ou vierem acompanhados de outros sintomas, como febre, dor de cabeça ou facial, é importante procurar ajuda médica para determinar a causa subjacente e receber o tratamento adequado.



As principais causas de nariz escorrendo, listadas das mais comuns às menos comuns, são as seguintes:


  1. Infecções virais do trato respiratório superior, que são caracterizadas por rinorreia clara e aquosa e podem incluir vírus como rinovírus, vírus sincicial respiratório, parainfluenza, gripe e adenovírus.[ 1-2]

  2. Rinite alérgica, que envolve reações mediadas por IgE a alérgenos como pólen, fungos, alérgenos animais e ácaros, levando a sintomas, incluindo rinorreia.[ 2-3]

  3. Rinite não alérgica, que pode ser inflamatória (por exemplo, rinite não alérgica com eosinofilia, pós-infecciosa, rinite associada a pólipos nasais) ou não inflamatória (por exemplo, rinite não alérgica idiopática, rinite induzida por medicação, rinite relacionada a hormônios, rinite sistêmica relacionada à doença).[ 4]

  4. Superinfecção bacteriana, que ocorre com menos frequência e pode envolver organismos como Streptococcus pneumoniae, Haemophilus influenzae, Moraxella catarrhalis, Staphylococcus aureus e bactérias anaeróbias.[ 2]


Qual é o mecanismo que leva a um nariz escorrendo?


O mecanismo que leva a um corrimento nasal, ou rinorreia, envolve vários processos fisiológicos.


  • Rinite alérgica, a interação de antígenos com anticorpos IgE em mastócitos na mucosa nasal desencadeia a liberação de mediadores como histamina, leucotrienos e prostaglandinas. Esses mediadores causam aumento da permeabilidade vascular, levando ao extravasamento do plasma e secreção glandular, resultando em rinorreia aquosa.[1,2]


  • Rinite não alérgica, vários gatilhos podem estimular os nervos sensoriais, levando a reflexos parassimpáticos que aumentam o fluxo sanguíneo nasal, preenchem os senusoides venosos e estimulam a secreção glandular de muco, contribuindo para a rinorreia.[ 3] Além disso, o canal de cloreto CFTR foi implicado na fisiopatologia da rinorreia, onde o aumento da secreção de cloreto através desse canal pode levar a corrimento nasal aquoso.[4]


  • Interação da mucosa nasal com estímulos ambientais também pode provocar respostas reflexas nasonasais mediadas por neurônios colinérgicos, resultando em hiperplasia glandular e hipersecreção com inchaço da mucosa, contribuindo para a rinorréia.[5]


Em resumo, a rinorréia pode resultar da inflamação alérgica mediada pela degranulação dos mastócitos, gatilhos não alérgicos estimulando reflexos neurais e aumento da secreção de cloreto através do canal CFTR.


Nariz escorrendo e o impacto no dia-dia:


Um nariz escorrendo é particularmente irritante para os pacientes devido ao seu impacto em vários aspectos da vida diária. A rinorréia pode afetar significativamente a qualidade de vida, pois pode levar a dificuldade para dormir, acordar durante a noite e falta de uma boa noite de sono devido a sintomas nasais.[ 1]


Isso pode resultar em diminuição da produtividade, especialmente nos dias em que os sintomas nasais estão no seu pior. Mais da metade dos indivíduos com rinite alérgica descrevem seus sintomas como impactando a vida diária em um grau moderado ou significativo.[ 1]


A rinorréia também pode ser socialmente embaraçosa, pois os indivíduos podem se sentir desconfortáveis espirrando, farejando ou assoando o nariz em público. Além disso, a necessidade constante de gerenciar um nariz escorrendo pode distrair e pode prejudicar a concentração e o desempenho no trabalho ou na escola.[ 2]


A rinorréia também é incômodo porque raramente ocorre sozinha; cerca de 97% dos pacientes com rinite alérgica sofrem de pelo menos dois sintomas, o que ressalta a necessidade de tratamentos que abordem uma ampla gama de sintomas.[ 3]



O que fazer para parar de escorrer o nariz?


Existem diversas opções para tratar o corrimento nasal e fazer o nariz parar de escorrer, incluindo: lavagem nasal com soro fisiológico, anti-histamínicos e corticosteroides, hidratação adequada, evitar irritantes ambientais, e em casos graves, cirurgia endoscópica.


É importante lembrar que o tratamento deve ser personalizado para a causa subjacente e deve ser prescrito por um otorrino qualificado.


Que remédio dar para nariz escorrendo?


O tratamento para nariz escorrendo varia dependendo da causa subjacente. Existem alguns medicamentos cientificamente comprovados que podem ajudar a tratar o nariz escorrendo, como antialérgicos e descongestionantes nasais.


Os antialérgicos, como loratadina e cetirizina, podem ajudar a reduzir a produção de muco e aliviar os sintomas associados a alergias.


Já os descongestionantes nasais, como a oximetazolina, podem ajudar a aliviar a congestão nasal e reduzir o inchaço nas vias nasais.


É importante lembrar que é necessário sempre consultar um médico antes de tomar qualquer medicamento, para garantir que ele seja adequado para o seu caso e que não haja interações medicamentosas ou efeitos colaterais indesejados.


Os potenciais efeitos colaterais dos tratamentos recomendados para nariz escorrendo incluem:


Para corticosteróides intranasais como fluticasona ou mometasona, podem ocorrer efeitos colaterais locais, como irritação nasal e sangramento.


Os pacientes devem ser instruídos a direcionar os sprays para longe do septo nasal para minimizar o risco de erosão da mucosa, o que pode sugerir um risco aumentado de perfurações do septo nasal.[1]


Os anti-histamínicos de segunda geração são geralmente bem tolerados, com efeitos sedativos reduzidos do sistema nervoso central em comparação com os anti-histamínicos de primeira geração. No entanto, eles ainda podem ter efeitos adversos específicos da molécula, como cardiotoxicidade, embora isso seja raro.[ 2]


Os descongestionantes orais, como a pseudoefedrina, podem causar insônia, perda de apetite, irritabilidade, palpitações e, raramente, elevação da pressão arterial, particularmente em pacientes com hipertensão.[ 3,4]


Descongestionantes tópicos como a oximetazolina não devem ser usados por mais de três dias para evitar o congestionamento de rebote, conhecido como rinite medicamentosa.[ 1] Eles também podem causar secura da mucosa nasal ou atrofia com uso prolongado.[ 5]


O brometo de ipratrópio tópico pode levar a secura ou irritação da mucosa nasal, epistaxe, dores de cabeça e faringite. Há um risco significativamente maior de epistaxe com brometo de ipratrópio em comparação com o placebo.[ 6]


O que é bom para nariz escorrendo remédio caseiro?


Existem algumas evidências científicas limitadas que sugerem que alguns remédios caseiros podem ajudar a aliviar os sintomas de nariz escorrendo.


No entanto, é importante lembrar que esses remédios não são um substituto para o tratamento médico adequado e podem não ser eficazes em todos os casos.


  • Inalação de vapor: A inalação de vapor pode ajudar a aliviar os sintomas de nariz escorrendo, pois ajuda a soltar as secreções nasais e reduzir a inflamação. Um estudo de 2013 publicado no International Journal of Pediatrics descobriu que a inalação de vapor pode ajudar a melhorar os sintomas de resfriado em crianças. No entanto, é importante lembrar que a inalação de vapor pode não ser segura para todas as pessoas, especialmente aquelas com problemas respiratórios subjacentes.

  • Soro fisiológico: O uso de solução salina para lavar o nariz pode ajudar a limpar as secreções nasais e reduzir a inflamação. Um estudo de 2008 publicado no Archives of Otolaryngology-Head & Neck Surgery descobriu que o uso de solução salina para lavar o nariz pode ajudar a aliviar os sintomas de rinite alérgica. É importante lembrar que a solução salina deve ser preparada corretamente e aplicada com segurança para evitar complicações.

Embora existam algumas evidências científicas limitadas que sugerem que alguns remédios caseiros podem ajudar a aliviar os sintomas de nariz escorrendo, é importante lembrar que esses remédios não são um substituto para o tratamento médico adequado e podem não ser eficazes em todos os casos. Se você está sofrendo de nariz escorrendo persistente


Quanto tempo dura a coriza?


A duração da coriza depende da causa subjacente. Em muitos casos, a coriza pode durar alguns dias a uma semana e geralmente melhora sem tratamento.


No entanto, se a coriza persistir por mais de uma semana ou for acompanhada de outros sintomas preocupantes, é importante consultar um médico para obter um diagnóstico preciso e tratamento adequado.


Quanto tempo dura a coriza de resfriado?


A duração da coriza em um resfriado também varia, mas geralmente dura cerca de uma semana. No entanto, a coriza pode durar mais em alguns casos, especialmente se o resfriado for causado por um vírus mais forte.


Além disso, a coriza pode ser acompanhada por outros sintomas, como tosse, dor de cabeça, dor de garganta e febre baixa.


Conclusão


A coriza pode ser irritante e desconfortável, mas existem muitas coisas que você pode fazer para aliviar os sintomas e acelerar a recuperação.


Se a coriza persistir por mais do que alguns dias, ou se for acompanhada de outros sintomas preocupantes, é importante consultar um médico para obter um diagnóstico preciso e tratamento adequado.

 

Dra. Danielly Andrade

Otorrinolaringologista Especialista em Nariz e Seios da Face | Belo Horizonte - MG

Dra. Danielly Andrade, Médica otorrinolaringologista especialista em nariz e seios da face em Belo Horizonte - MG

コメント


コメント機能がオフになっています。
bottom of page