Sinusopatia: Tipos, causas, sintomas e tratamentos

  • Início > Blog > Sinusopatia: Tipos, causas, sintomas e tratamentos


sinusopatia

A sinusopatia, mais conhecida como sinusite, é uma inflamação dos seios da face que pode fazer com que fiquem bloqueados e cheios de líquido ou edema de mucosas. Geralmente é causada por resfriado ou alergias. Uma infecção pode resultar do bloqueio.


Você sabe a sensação: corrimento nasal, dor de cabeça, congestão nasal. É só um resfriado? Ou algo mais sério? Se for uma sinusite, é uma doença mais grave.

A sinusopatia, ou inchaço dos tecidos das cavidades sinusais, é uma condição comum com muitas causas, incluindo vírus e bactérias, pólipos nasais ou alergias.


Os sinais e sintomas podem incluir sensação de pressão facial, febre e cansaço.


Certifique-se de consultar um otorrinolaringologista se os sintomas não melhorarem, se a sinusite ocorrer com frequência ou se você tiver algum sintoma que o preocupe.


O que é sinusopatia?

A sinusopatia é uma inflamação ou inchaço do tecido que reveste os seios da face. Os seios da face são cavidades (espaços) emparelhadas na cabeça. Eles são conectados por canais estreitos. Os seios da face produzem um muco fino que drena para fora dos canais do nariz.


Essa drenagem ajuda a manter o nariz limpo e livre de bactérias. Normalmente cheios de ar, os seios da face podem ficar bloqueados e cheios de fluido. Quando isso acontece, as bactérias e outros microorganismos podem crescer e causar uma infecção (sinusite bacteriana) ou inflamações agudas e crônicas.


Quais são os diferentes tipos de seios da face próximos ao nariz e aos olhos?

Os seios paranasais estão localizados na cabeça, perto do nariz e dos olhos. Eles são nomeados após os ossos que fornecem sua estrutura.

A maior cavidade nasal é a cavidade maxilar, e é uma das cavidades que mais frequentemente infecciona.

Existem diferentes tipos de sinusopatia:


Classificamos as sinusopatias conforme a localização e tempo ou curso de duração.


Classificação conforme a localização

  • Sinusopatia etmoidal: ocorre quando a inflamação é nos seios etmoidais (em volta dos olhos). Podendo ser:

  • Sinusopatia etmoidal direita

  • Sinusopatia etmoidal esquerda

  • Sinusopatia etmoidal bilateral

  • Sinusopatia esfenoidal: é o processo inflamatório é nos seios esfenoidais (parte que fica atrás dos olhos). Podendo ser:

  • Sinusopatia esfeinoidal direita

  • Sinusopatia esfeinoidal esquerda

  • Sinusopatia esfeinoidal bilateral

  • Sinusopatia frontal: acontece nos casos em que a inflamação afeta os seios frontais (as cavidades da região da testa). Podendo ser:

  • Sinusopatia frontal direita

  • Sinusopatia frontal esquerda

  • Sinusopatia frontal bilateral

  • Sinusopatia maxilar: consiste na inflamação dos seios maxilares (maça do rosto).Podendo ser:

  • Sinusopatia maxilar direita

  • Sinusopatia maxilar esquerda

  • Sinusopatia maxilar bilateral


Classificação conforme a duração



Sinusopatia aguda:


Este termo se refere ao processo inflamatório dos seios da face súbito que ocorre associado a sintomas de resfriado, como coriza, nariz entupido e dor facial e que não desaparece após 10 dias.


Ou quando os sintomas que parecem melhorar, mas voltam e são piores do que os sintomas iniciais.Muitas vezes a sinusite aguda é conhecida como sinusopatia atacada. E muitas pessoas se referem como uma crise de sinusite. Ele responde bem a antibióticos e descongestionantes.


Sinusopatia crônica


este termo se refere a uma condição definida por congestão nasal, drenagem, dor / pressão facial e diminuição do olfato por pelo menos 10 semanas.


Como posso saber se tenho uma sinusopatia, resfriado ou rinite alérgica?

Pode ser difícil dizer a diferença entre um resfriado, alergia e uma sinusopatia. O resfriado comum normalmente aumenta e desaparece lentamente. Isso dura alguns dias a semanas. Um resfriado pode se transformar em uma sinusite.


A rinite alérgica é a inflamação do nariz devido a fatores irritantes como ácaros, poeira, fungos, medicamentos e diversos outros fatores. Os sintomas de uma alergia nasal podem incluir espirros, coceira no nariz e nos olhos, congestão, coriza e gotejamento pós-nasal (muco na garganta).


Os sintomas de sinusite e alergia podem ocorrer ao mesmo tempo que um resfriado comum.

Se você estiver lutando contra um resfriado e desenvolver sintomas de sinusite ou rinite alérgica, consulte seu otorrinolaringologista. Você será solicitado a descrever seus sintomas e histórico médico.


O que causa a sinusopatia?


  • Causas anatômicas – tais como um desvio de septo ou hipertrofia de cornetos.

  • Causas inflamatórias e infecciosas – Resfriados comuns, infecções bacterianas, viral e fúngica, bem como rinite alérgica e Pólipos nasais

  • Transtornos do desenvolvimento - como a fibrose cística

  • Tumores no nariz e nos seios da face – esses podem bloquear caminhos críticos de drenagem

  • Sistema imunológico fraco devido a doenças ou medicamentos.

Para bebês e crianças pequenas, passar o tempo em creches, usando chupetas ou mamadeiras enquanto está deitado pode aumentar as chances de contrair sinusopatia.

Para adultos, fumar aumenta os riscos de infecções nos seios da face. Se você fuma, você deve parar. Fumar é prejudicial a você e às pessoas ao seu redor.


sinusopatia
Causas anatômicas | Causas inflamatórias e infecciosas

Quais são os sinais e sintomas da sinusopatia?

Os sinais e sintomas comuns de sinusopatia incluem:

  • Gotejamento pós-nasal: Secreção posterior produzida pelas células do tecido mucoso do nariz. Normalmente é percebido somente se sua produção está aumentada ou piora à noite quando não estamos engolindo ou falando. Muitos pacientes acordam relatando sintomas como pigarro e secreção espessa no escarro da manhã.

  • Secreção nasal (catarro): essa secreção pode ser clara, amarela ou esverdeada. Se o catarro estiver tingido de vermelho ou marrom, pode conter resquícios de sangue. O sangue em seu catarro pode resultar de assoar o nariz freqüentemente ou respirar ar muito seco. ( pequenos ferimentos nasais). No entanto, se você estiver vendo muito sangue com muita frequência e de maiores volumes, procure imediatamente pelo atendimento especializado otorrinolaringologico.

  • Pressão facial: Principalmente ao redor do nariz, olhos e testa. Dor de cabeça, dor nos dentes e também dor de ouvido.

  • Febre

  • Tosse

  • Halitose (mau hálito)

  • Cansaço

  • Tontura

  • Ouvido entupido

  • Zumbido


Os sintomas da sinusite podem piorar durante a noite, as razões são várias e inter-relacionadas.


Como a sinusopatia é diagnosticada? Como saber se tenho sinusopatia?


Um estudo da Universidade do Michigan mostra que 99% dos diagnósticos de sinusite crônica por não especialistas estão errados.

O otorrinolaringologista fará muitas perguntas de modo a desenvolver um histórico médico detalhado e descobrir seus sintomas. Ele também fará um exame físico. Durante o exame, o médico examinará seus ouvidos, nariz e garganta quanto a qualquer inchaço, drenagem ou obstrução.


Um endoscópio nasal (um pequeno instrumento óptico / iluminado) pode ser usado para olhar dentro do nariz. Se você precisar de um exame de imagem, seu otorrinolaringologista solicitará uma tomografia computadorizada (TC).



Endoscopia nasal
Endoscopia Nasal
sinusopatia
A tomografia computadorizada à esquerda da tela demonstra seios nasais normais cheios de ar que parecem pretos. A imagem da tomografia computadorizada à direita da tela demonstra o bloqueio sinusal. A área cinzenta é tecido inchado.

Qual é o tratamento para sinusopatia?

Existem dois tipos de sinusite. A de curto prazo, ou aguda, em que a sinusite aparece e então se dissipa em questão de dias ou semanas. A de longo prazo, ou crônica, em que a sinusite continua por meses ou retorna com frequência.

A maioria das sinusites de curto prazo pode ser tratada por meio de medicamentos. Mesmo as pessoas com sinusite crônica ou de longo prazo podem encontrar alívio com o uso de medicação. Mas se nenhum desses tratamentos funcionar para você, a cirurgia dos seios da face será sua única opção.


Tratamento Médico


A sinusite aguda pode ter os mesmos sintomas de um resfriado e, em muitos casos ir embora por conta própria. Seu médico pode sugerir que você tome um descongestionante comum para aliviar seus sintomas.

Se sua sinusite persiste por mais de uma semana, a causa pode ser bacteriana. Neste caso, seu médico pode prescrever antibióticos. A maioria dos casos de sinusite bacteriana aguda é resolvida após uma rodada de tratamento com antibióticos.


A sinusite crônica também pode ser tratada com o uso de medicamentos. Dependendo da gravidade da doença, seu médico pode prescrever antibióticos.


Cirurgia para Sinusite

Algumas infecções podem ser tratadas com terapia médica e/ou mudanças de estilo de vida, enquanto outras podem exigir cirurgia, como as sinusites crônicas e recorrentes.


Cirurgia Endoscópica Nasossinusal
Cirurgia Endoscópica Nasossinusal
Cirurgia Endoscópica Nasossinusal
Cirurgia Endoscópica Nasossinusal

Normalmente, a primeira tentativa envolve tratamentos médicos. Em geral, seu médico irá sugerir cirurgia somente se não houve sucesso com todos os outros tratamentos para o alívio de seus sintomas.

O tipo de cirurgia de sinusite que seu médico recomendará dependerá, especificamente, da forma como a doença se apresenta. Os três tipos mais comuns de operações dos seios da face são:

  • Etmoidectomia — ajuda a limpar os seios da face localizados entre os olhos e a ponte nasal.

  • Antrostomia maxilar — ajuda os seios da face localizados atrás das maçãs do rosto a fazer uma drenagem mais eficaz.

  • Septoplastia motorizada com turbinoplastia — ajuda a desobstruir dificuldades respiratórias causadas por um septo nasal desviado ou torto e por conchas nasais alargadas (hipertrofia de cornetos).


Que complicações estão associadas à sinusopatia?

Embora não aconteça com muita frequência, as infecções dos seios da face não tratadas podem ser fatais, causando meningite ou infectando o cérebro, os olhos ou os ossos próximos. A meningite é uma infecção das membranas (meninges) que cobrem o cérebro e a medula espinhal.

 

Quem é a Dra. Danielly Solar Andrade?


Sou médica otorrinolaringologista em Belo Horizonte e Nova Lima, formada pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) em 2008, título de Especialista em Otorrinolaringologia pela ABORL / AMB.

Sou especialista em rinologia (funcional e estética), área da otorrinolaringologia que estuda e trata os distúrbios do nariz e dos seios da face, como obstrução nasal, desvio de septo, rinite, alergias, sinusite, alterações do olfato e sangramentos nasais.


​Atuo como médica do corpo clínico-cirúrgico nos hospitais Mater Dei, Socor e Orizonti. Sou preceptora do serviço de especialização em otorrinolaringologia do Hospital Socor atuando na área de Rinologia.


"Meu foco é te ajudar a respirar bem pelo nariz e melhorar sua auto-estima, qualidade de vida e de sono."


Como a Dra. Danielly Solar Andrade pode te ajudar?


Cada caso deve ser avaliado com cuidado antes de uma indicação cirúrgica e, nos consultórios da Dra. Danielly Solar Andrade, o paciente tem a comodidade de realizar exames auxiliadores no diagnóstico e na escolha do tratamento adequado.


Quando este tratamento é cirúrgico, todas as burocracias com planos de saúde, convênios e hospitais também são cuidadas pela equipe da Dra. Danielly.