Entenda quais são os principais sintomas de sinusite

Início > Blog > Entenda quais são os principais sintomas de sinusite

sinusite sintomas

A sinusite crônica ocorre quando os espaços dentro do nariz e da cabeça (seios da face) ficam inchados e inflamados por três meses ou mais, apesar do tratamento.

Essa condição comum interfere na maneira como o muco é normalmente drenado e torna o nariz entupido. Pode ser difícil respirar pelo nariz e a área ao redor dos olhos pode ficar inchada ou sensível.


A sinusite crônica pode ser causada por uma infecção, por crescimentos nos seios da face (pólipos nasais) ou pelo inchaço do revestimento dos seios da face. Também chamada de rinossinusite crônica, a condição pode afetar adultos e crianças.



Quais são os seios da face?


Os seios da face são pequenos espaços vazios atrás das maçãs do rosto e da testa que se conectam à parte interna do nariz. A sinusite faz com que o revestimento dos seios da face inche. Isso impede que o muco seja drenado para o nariz e a garganta de maneira adequada, fazendo com que você se sinta bloqueado.



Sintomas da sinusite


  • Inflamação nasal

  • Secreção espessa e descolorida do nariz (corrimento nasal)

  • Drenagem na parte de trás da garganta (drenagem pós-nasal)

  • Nariz entupido (congestionado), causando dificuldade para respirar pelo nariz

  • Dor, sensibilidade e inchaço ao redor dos olhos, bochechas, nariz ou testa

  • Sentido de olfato e paladar reduzidos

  • Dor de ouvido

  • Dor de cabeça

  • Dores na mandíbula superior e dentes

  • Tosse ou pigarro

  • Dor de garganta

  • Mal hálito

  • Fadiga

A sinusite crônica e a sinusite aguda apresentam sinais e sintomas semelhantes. Mas a sinusite aguda é uma infecção temporária dos seios da face frequentemente associada a um resfriado. Os sinais e sintomas da sinusite crônica duram pelo menos 12 semanas, mas você pode ter vários episódios de sinusite aguda antes de desenvolver sinusite crônica. Febre não é um sinal comum de sinusite crônica, mas você pode ter uma com sinusite aguda.


Quando procurar um otorrino devido à sinusite?

Marque uma consulta com seu otorrino se:

  • Você já teve sinusite várias vezes e a condição não responde ao tratamento

  • Você tem sintomas de sinusite que duram mais de 10 dias

  • Seus sintomas não melhoram depois que você consulta seu médico

Consulte um médico imediatamente se tiver os seguintes sinais ou sintomas, que podem indicar uma infecção grave:

  • Febre

  • Inchaço ou vermelhidão ao redor dos olhos

  • Dor de cabeça severa

  • Edema na testa

  • Confusão

  • Visão dupla ou outras alterações de visão

  • Torcicolo

Principais causas de sinusite


As causas comuns de sinusite crônica incluem:

  • Pólipos nasais. Esses crescimentos de tecido podem bloquear as passagens nasais ou seios da face.

  • Desvio de septo. Um septo torto — a parede entre as narinas — pode restringir ou bloquear as passagens dos seios da face, piorando os sintomas da sinusite.

  • Outras condições médicas. As complicações de condições como fibrose cística, HIV e outras doenças relacionadas ao sistema imunológico podem levar ao bloqueio nasal.

  • Infecções do trato respiratório. As infecções no trato respiratório — mais comumente resfriados — podem inflamar e engrossar as membranas dos seios da face e bloquear a drenagem de muco. Essas infecções podem ser causadas por vírus ou bactérias.

  • Alergias — A inflamação que ocorre com alergias pode bloquear os seios da face.


Fatores de risco para sinusite

Você tem maior risco de contrair sinusite crônica se tiver:

  • Um desvio de septo nasal

  • Pólipos nasais

  • Asma

  • Uma infecção dentária

  • Uma infecção fúngica

  • Tumores

  • Um distúrbio do sistema imunológico, como HIV / AIDS ou fibrose cística

  • Alergias

  • Exposição regular a poluentes, como fumaça de cigarro


Complicações que podem ser causadas pela sinusite:

Complicações graves de complicações de sinusite crônica são raras, mas podem incluir:

  • Problemas de visão. Se a infecção do seio se espalhar para a órbita do olho, pode causar visão reduzida ou possivelmente cegueira que pode ser permanente.

  • Infecções. Raramente, pessoas com sinusite crônica podem desenvolver inflamação das membranas e do fluido que envolve o cérebro e a medula espinhal (meningite), uma infecção nos ossos ou uma infecção cutânea grave.

Prevenção de sinusites

Siga estas etapas para reduzir o risco de contrair sinusite crônica:

  • Evite infecções respiratórias superiores. Evite o contato com pessoas resfriadas ou com outras infecções. Lave as mãos frequentemente com água e sabão, especialmente antes das refeições.

  • Gerencie sua rinite alérgica. Trabalhe com seu otorrino para manter os sintomas sob controle. Sempre que possível, evite a exposição a coisas a que você é alérgico.

  • Evite a fumaça do cigarro e o ar poluído. A fumaça do tabaco e os contaminantes do ar podem irritar e inflamar seus pulmões e vias nasais.

 

Quem é a Dra. Danielly Andrade?


Sou médica otorrinolaringologista em Belo Horizonte e Nova Lima, formada pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) em 2008, título de Especialista em Otorrinolaringologia pela ABORL / AMB.

Sou especialista em rinologia (funcional e estética), área da otorrinolaringologia que estuda e trata os distúrbios do nariz e dos seios da face, como obstrução nasal, desvio de septo, rinite, alergias, sinusite, alterações do olfato e sangramentos nasais.

​Atuo como médica do corpo clínico-cirúrgico nos hospitais Mater Dei, Socor e Orizonti. Sou preceptora do serviço de especialização em otorrinolaringologia do Hospital Socor atuando na área de Rinologia.


"Meu foco é te ajudar a respirar bem pelo nariz e melhorar sua auto-estima, qualidade de vida e de sono."